Archive for Setembro, 2015

Sobre ler e pertencer a grupos

bookhaul

Na Rádio Metrópole, onde trabalho há dez anos (Deus, o tempo voa) eu faço semanalmente um quadro sobre literatura chamado Entre Páginas. Basicamente o que eu faço é indicar livros. Lançamentos, clássicos, infantis, best sellers, não importa. Se houver algo interessante sobre um livro, ele pode aparecer no Entre Páginas. E eu tenho observado um fenômeno interessante nas minhas últimas pesquisas. Me parece que os jovens têm lido mais. E eu digo isso porque existe um número enorme de blogs e principalmente vlogs (não sabe o que é? Google!) onde adolescentes fazem resenhas de livros. E isso não é só aqui no Brasil. Com alguma desenvoltura – ou pouca, ou nenhuma – eles resolveram simplesmente falar de literatura. À sua maneira, meninas e meninos atualizam suas páginas com livros que vão do infanto-juvenil aos clássicos adultos. O que eles falam? Sabem fazer crítica? Suas resenhas são interessantes / inteligentes? Importa muito pouco pro que eu quero dizer. Eles estão lendo. E isso, em si, já é uma boa notícia.

Faço apenas uma observação: todos me parecem iguais, e isso é outro fenômeno. Se vestem da mesma forma, tem os mesmos trejeitos, seguem um modelo muito rígido de comportamento que dá pouco espaço pra espontaneidade, embora seja justamente a aparência “espontânea” que pareça tão obrigatória. Mas assim são os adolescentes. Sempre querem parecer tão diferentes, descolados, genuínos, que acabam ficando todos iguais. No final acho que isso tem até sua graça. E fico feliz de ver que ler – que bom – também está na moda.

Anúncios