O descanso da mente

imagem

(Para meditar, ouça Sound Healing)

Incrível como meditar organiza nossos pensamentos. Simples assim, como numa faxina. Limpa a sujeira, joga fora o que é dispensável, organiza as prioridades, coloca cada coisa em seu lugar. O que merece mais atenção, urgência, o que pode esperar. Onde colocar os pensamentos e sentimentos mais preciosos. Polir o que é bom, para que fique mais bonito. Alimentar o que está faminto de cuidados. É um olhar pra si tão carinhoso que todo mundo deveria se dar um momento assim. Meditar é como dizer à sua mente “esse é seu momento. Descanse. Respire, relaxe. Durma. Estou aqui vigilante enquanto você toma seu banho quente e se deita um pouco”. Meditar é estar alerta enquanto sua mente descansa. É quase fazer um cafuné nela. É pensar com carinho no quanto ela tem trabalhado, no quanto está confusa, sobrecarregada. É oferecer seu corpo de presente à sua mente para que ela recobre sua força. E também dar ao seu corpo algum tempo numa posição confortável, porém firme.

Já reparou que mente não tem descanso? Nem no sono. Ela está lá, sempre criando situações, revirando problemas para encontrar uma saída. Está sempre procurando respostas para questões pendentes, uma ideia nova, ou remoendo bobagens, ou resolvendo todos os pequenos problemas do dia a dia. Ou se ocupando com algo bobo, ou trabalhando por você, ou contra você. O bom é que quando você medita, você começa a enxergar as coisas com muita clareza. além de normalizar sua velocidade. O modo como anda, respira, pensa. Estamos tão acelerados. E gastando tanto tempo.

Há muitas formas de meditar. Uma delas é respirar, de forma tão tranquila que o ar passa a ser quase uma brisinha passeando pelo seu corpo, quase sem ser notado. É assistir os pensamentos chegando e saindo, passando, até que todos eles tenham se apresentado e ido embora. Não se detenha. Quando sentir que estão ficando cada vez mais raros, comece a falar com sua mente. Dê a ela o que ela precisa. Descanso. Seja gentil com você mesmo. Não pense se já se passaram cinco minutos ou dez ou vinte. Isso importa pouco. O fundamental é sentir o silêncio dentro de si mesmo.

Seja qual for o efeito de sua meditação não há nenhuma possibilidade de ser negativo. Pelo contrário, será positivo, mesmo que seja diferente pra cada um. Isso não foi uma aula de meditação, não estudei o assunto, não sou nem tão esotérica assim. Só quis compartilhar uma experiência que sempre me fez sentir melhor e espero que faça bem a vocês também. Bom descanso!

2 responses to this post.

  1. Que dica boa, Nardele! Vivemos numa correria tão louca que muitas vezes é difícil parar, dar um tempo pra mente, organizar os pensamentos e até mesmo respirar melhor. Eu estou precisando disso. Grande abraço!

    Responder

  2. Posted by Cissa on 29 de Abril de 2013 at 21:50

    Que belo comentário, Nardele! Essencial, é uma prática que faz parte da minha vida e me faz super bem!!! Bjão

    Responder

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: