Cenas de carnaval (e só de carnaval)

Era carnaval, e no carnaval a gente não dá mesmo muita bola pra quase nada. Então ela saiu fantasiada de… bem, não sei como chamar essa fantasia, mas o fato é que ela estava de maiô, bóia na cintura, touca de mergulho e tubo snorkel. O pé-de-pato foi melhor descartar, imagina a confusão.

Lá pro fim da noite, no meio de um mundo de gente, ela olhou pra um caubói, que também olhou pra ela. O olhar foi fulminante, e em alguns minutos os dois estavam de mãos dadas indo em direção à casa do rapaz. No meio do caminho ela encontra uma velha conhecida dos pais dela. A criatura vem, não acredita que a bebezinha que ela segurou no colo era aquele mulherão de touca e tubo snorkel e começa a chorar lembrando de como ela era fofa quando pequena. A cena se torna insustentável e os dois conseguem se desvencilhar da velha conhecida, mas não sem alguma dificuldade.

Lá pras tantas chegam à casa do rapaz. Já era dia claro. No apartamento estavam os pais dele, irmãos, até tios. “Gente, essa é Verônica*”, dizia ele a todos para desespero dela, que esqueceu de perguntar seu nome. Depois do constrangimento de ter que dizer “oi, gente” pra desconhecidos estando vestida daquela maneira, eles partem pro quarto. Ele tenta tirar a bóia por baixo. Trava. Tenta por cima. Trava. “Como faz?” Ela dá um jeitinho. E começa a parte que fez com eles enfrentassem a velha conhecida e o constrangimento da família. Mas eis que no meio do processo ela se dá conta de que ele é um total desconhecido, de quem ela ignora inclusive o nome e aborta a operação. Veste sua touca e seu tubo snorkel e cai fora daquela cena surreal. Simples assim.

Coisas que a gente só vê no carnaval.

*Naturalmente o nome é fictício. Sim, a história é verídica.

Atualização: fui informada de que o cara estava fantasiado de frei, não de caubói. Sim, túnica marrom, cordinha e sandália de couro. Pessoal a caráter.

Advertisements

6 responses to this post.

  1. Mesmo o wordpress tentando me impedir… estoy aqui 😛

    Sim vei, essas histórias de carnaval são bem cômicas mesmo, tem cada uma, melhor nem comentar. Mas esse tipo de coisa não acontecem só no carnaval não ein, essa parada de nem conhecer, já ir direto ao ponto e travar depois está bem comum… hm. E que fantasia foi essa, man? AUHAUHAUAHUAH

    Precisa falar que o texto tá ótchemo? ;***

    Responder

  2. nao podia ser uma fantasia mais facil? rs

    Responder

  3. Posted by Rejane on 21 de Fevereiro de 2011 at 16:49

    kkkkkkkk
    Eu não posso acreditar que isso realmente aconteceu!
    hahahaha
    Pior seria se ela estivesse vestida de macacão de neoprene E com a boia.
    Hilário!
    Mas fala a verdade, isso não aconteceu mesmo, não foi?
    Bjos

    Responder

  4. Posted by nardele on 21 de Fevereiro de 2011 at 17:00

    Gente, a história é verídica, isso é o que mais me faz ter fé na humanidade! Eu achei o máximo. Com um pequeno aparte: em vez de caubói o cara estava vestido de frei. Sim, sim, sim, de túnica marrom e cordinha na cintura. Vou colocar o adendo no texto. rs

    Responder

  5. Oi Nardele…
    Na terra do… “We are carnaval, we are folia, we are the world of Carnaval, is the Bahia” tudo tem precedente…
    Voltando 2011 anos no tempo, um certo cara crucificado lá no Oriente, olhou em volta viu que todos os seguidores tinha se mandado, e alguns soldados romanos tripudiando, e proferiu projetando o futuro:
    “Pai, perdoai por que eles não sabem o que sabem…”

    Responder

  6. retificando a frase: “Pai, perdoai-vos por quê eles não sabem o que fazem”

    Responder

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: